O que é a Litecoin? Como Funciona?

Brandie E Blackler
10 Min leitura

A Litecoin é a versão "mais leve" da Bitcoin? A Bitcoin é, sem dúvida, uma criptomoeda bastante conhecida, mas poderá surpreender-se ao saber que a Litecoin foi lançada há mais de cinco anos.

Este artigo promete explicar as questões-chave tais como: O que é a Litecoin? Como funciona a Litecoin? Como funciona a criação da Litecoin? Existe muito risco com a Litecoin? E muito mais!

O que é a Litecoin?

A Litecoin é uma criptomoeda peer-to-peer. É um projeto de software de código aberto lançado sob a licença MIT/X11, o que significa que coloca apenas restrições muito limitadas à sua reutilização. A Litecoin é, em muitos aspectos, semelhante à Bitcoin, pois também é considerada uma moeda digital e um sistema de pagamentos digital. Além disso, as técnicas de encriptação da Litecoin são usadas para duas características essenciais:

  1. Regular a generação de unidades de Litecoin;
  2. Para verificar a transferência de fundos e transações seguras.

Quais as diferenças entre a Litecoin e a Bitcoin?

Embora a Litecoin e a Bitcoin sejam semelhantes em muitos aspectos, existem algumas diferenças importantes entre as duas criptomoedas. Alguns traders dizem que, se a Bitcoin é equivalente ao ouro, a Litecoin pode ser comparada com a prata. Na verdade, é exatamente isso que os developers da Litecoin tinham em mente ao criá-la. Ambas as moedas compartilham muitas características semelhantes, e a Litecoin é semelhante à Bitcoin, exceto nas seguintes diferenças:

  • A Litecoin oferece uma confirmação mais rápida: a Rede Litecoin visa processar um bloco a cada 2,5 minutos, em vez da taxa de 10 minutos da Bitcoin, em que os seus developers afirmam permitir uma confirmação de transação mais rápida;
  • A Litecoin usa um algoritmo de hashtag diferente: a Litecoin usa scrypt no seu algoritmo de proof-of-work - uma função de memória sequencial que requer assintoticamente mais memória do que um algoritmo que não seja memory-hard;
  • A Rede Litecoin criará mais moedas: a Litecoin irá produzir 84 milhões de Litecoins, ou quatro vezes mais unidades monetárias em comparação com o que será emitido pela Rede Bitcoin.

Ao todo, a Litecoin pode processar e lidar com uma quantidade maior de transações, o que reduz potenciais bottlenecks, como às vezes são vistos com a Bitcoin. Além disso, as vantagens podem incluir maior resistência a um ataque de double spending no mesmo período que a Bitcoin.

Qual é a abreviatura para a Litecoin?

A abreviatura da Litecoin é simplesmente LTC. Aplica-se o mesmo princípio que USD (US Dollar) e EUR (Euro), portanto. A Litecoin pode ser emparelhada com outras moedas. Nesse caso, o nome do par de moedas poderia ser, por exemplo, Litecoin vs US Dollar ou LTC/USD. Caso ainda não saiba, é possível negociar Litecoin (LTCUSD) com a Admiral Markets, criando uma conta de demonstração sem risco!

Como funciona a Litecoin?

A Litecoin é uma rede online onde os utilizadores podem enviar pagamentos de uma pessoa para outra. A Litecoin é considerada peer-to-peer e descentralizada, o que significa que não é controlada por nenhuma entidade ou governo. O sistema de pagamentos não trabalha com moedas físicas, como o dólar ou o euro, e em vez disso, usa uma unidade de conta própria, também chamada de Litecoin (símbolo: Ł ou LTC). É por isso que irá verificar frequentemente a Litecoin categorizada como uma moeda digital ou moeda virtual. As Litecoins podem ser compradas e vendidas por dinheiro tradicional numa variedade de bolsas disponíveis online.

O que é a tecnologia Blockchain?

A Litecoin é baseada na tecnologia blockchain, a mesma da Bitcoin. De acordo com a própria Litecoin, a blockchain da Litecoin é "capaz de lidar com um volume de transações maior do que a sua contraparte - Bitcoin". A Litecoin tem uma frequência maior de geração de blocos, o que significa que a rede suporta mais transações e beneficia de tempos de confirmação mais rápidos.

O que é a Mineração?

As novas Litecoins são criadas regularmente. A criação de novas moedas é feita por meio de um processo especial conhecido como "mineração", que é simplesmente um serviço de manutenção de registos. A Litecoin garante que haja apenas uma blockchain criando blocos que são realmente difíceis de produzir. Em vez de apenas produzir blocos livremente, os "mineiros" precisam de fazer um hash criptográfico do bloco que atenda a certos critérios, e a única maneira de encontrar um é computar muitos destes, até que tenha sorte e encontre aquele que funciona.

Este processo é denominado de hashing. O "mineiro" que criar um bloco com sucesso é recompensado com 25 Litecoins recém-cunhadas. Após poucos dias, a dificuldade dos critérios para o hash é ajustada com base na frequência com que os blocos aparecem, portanto, mais competição entre os "mineiros" significa mais trabalho para localizar um bloco.

De onde vem a Litecoin?

O crescimento da oferta de Litecoin é descentralizado e orientado pelo protocolo da Litecoin, que atribui a criação de novas moedas aos participantes da Litecoin. O número máximo de Litecoins está limitada a 84 milhões no total, mas nem todas as moedas foram criadas ainda. Em maio de 2019, havia aproximadamente 61,9 milhões de Litecoins em circulação.

Quem inventou a Litecoin?

Acredita-se que a Litecoin foi lançada por meio de um cliente de código aberto no GitHub a 7 de outubro de 2011 por Charlie Lee, um ex-funcionário da Google. Era um fork do cliente Bitcoin Core, diferindo principalmente por ter um tempo de geração de bloco reduzido (2,5 minutos), um número máximo de moedas maior, um algoritmo de hash diferente e uma GUI ligeiramente modificada.

Quando foi criada a Litecoin?

Embora tenha sido criada em outubro de 2011, a história financeira da Litecoin tem origem em novembro de 2013. A equipa que desenvolveu a Litecoin lançou a versão 0.8.5.1 primeiro, e o valor agregado da Litecoin verificou um crescimento massivo depois disso, que incluiu um salto de 100% em 24 horas. No início de dezembro de 2013, uma nova versão da Litecoin foi criada. Essa nova versão melhorada ofereceu uma redução de 20 vezes nas taxas de transação, juntamente com outras melhorias de segurança e desempenho para o cliente e a rede.

Deveria minerar Litecoins?

Traders profissionais supõem que negociar Lotecoin pode ser mais lucrativo do que mineração de dados. Por exemplo, usando as plataformas de negociação MetaTrader 4 e MetaTrader 5 da Admiral Markets, junto com o plugin MetaTrader Supreme Edition, os seus custos são muito mais baixos em comparação com a configuração de hardware ASICs, que é considerado caro e está longe de ser um investimento garantido. Existem muitos riscos envolvidos:

  • Dificuldade exponencial de rede: a dificuldade aumentará à medida que mais mineradores estão conectados à rede, reduzindo a sua lucratividade. Por esse motivo, é importante fazer uma previsão realista de quanto a dificuldade irá evoluir no futuro próximo.
  • Potencial valor de revenda baixo: o hardware ASIC pode extrair Litecoins com extrema eficiência, mas é tudo o que pode fazer. Não pode ser readaptado para outros fins, portanto, o valor de revenda é muito baixo.
  • Atrasos nas entregas: nāo quer que o seu hardware seja entregue meses depois de comprá-lo. Em particular, tem havido muitas críticas negativas na internet sobre a pré-encomenda de hardware de mineração.
  • Consumo de energia: não quer certamente pagar mais em eletricidade do que ganha em Litecoins, certo? 

Simplificando, negociar Litecoin vs USD poderia ser muito mais interessante, lucrativo e com menos custos.

Onde posso utilizar ou gastar?

A Litecoin pode ser usada ou gasta numa longa lista de produtos com diferentes tipos de comerciantes. A primeira etapa que permite facilitar isso é efetuar o download de uma carteira Litecoin, que possibilitará a compra de Litecoins numa bolsa apenas, e que poderá usar para comprar bens e serviços com Litecoins.

Quem apoia a Litecoin?

A Litecoin opera independentemente de qualquer banco central, ao contrário de outras moedas conhecidas (por exemplo, o dólar americano e o euro). A rede Litecoin também não possui nenhum outro ponto central ou administrador único, o que a torna uma moeda digital descentralizada.

Quais os riscos de negociar Litecoin?

Aqui estão alguns pontos que resumem alguns dos riscos:

  • Tal como acontece com a Bitcoin, existe pouca margem histórica ou criptomoedas comparativas. Basicamente, a questão de avaliar o que é um valor justo é difícil de responder.
  • Alterações nos controlos internacionais de capital podem reduzir a procura por criptomoedas. Países como a China têm leis que protegem as saídas e capital; consequentemente, o conceito de "dinheiro" está a ser inundado em criptomoedas não reguladas - para evitar tais controlos de capital. Uma alteração nas leis em relação à saída de capital pode reduzir a procura.
  • Não é regulada, portanto, alguns podem considerá-la de alto risco. No entanto, isso é subjectivo; no final de contas, é apenas uma moeda.
  • É uma moeda, semelhante a uma mercadoria por natureza; portanto, está sujeita às flutuações do mercado, como a procura e a oferta. Mas isso deverá ser um risco positivo para os traders que lidam com commodities.

A Litecoin é legal?

A resposta curta é, sim. As regulamentações variam de país para país, mas pode verificar reguladores financeiros nacionais interessados em Litecoin e outras moedas virtuais, potencialmente junto com reguladores regionais a nível sub-nacional.

É seguro negociar Litecoin?

Sim, é tão seguro negociar como a Bitcoin, ou qualquer outra commodity. Na verdade, a popularidade da Litecoin disparou nos últimos anos.

Negociar CFDs em Litecoin com a Admiral Markets

Fique atento a mais informações e análises interessantes sobre Litecoin... Mas para quê esperar? Agora é possível negociar Litecoin com uma conta de demonstração na Admiral Markets! Porque não experimentar hoje? A prática leva à perfeição!

Referências:

  1. Coin Desk
  2. https://coinmarketcap.com/currencies/litecoin/
  3. Litecoin

About Admiral Markets

A Admiral Markets é uma corretora de Forex e CFDs, globalmente regulada e vencedora de variados prémios, que oferece a possibilidade de negociar mais do que 8000 instrumentos financeiros através da plataforma de negociação mais popular a nível global: MetaTrader 4 e MetaTrader 5. Comece a negociar hoje!

Este material não contém nem deve ser interpretado como qualquer aconselhamento de investimento, recomendações de investimento, uma oferta de ou solicitação de qualquer transação de instrumentos financeiros. Por favor note que tal análise de trading não é um indicador fiável para qualquer performance atual ou futura, dado que as circunstâncias do mercado poderão alterar-se ao longo do tempo. Antes de tomar qualquer decisão de investimento, deverá procurar aconselhamento de conselheiros financeiros independentes para assegura que entendeu o risco implicado.

TOP ARTIGOS
Investir em criptomoedas | Ser um trader de criptomoedas
As criptomoedas têm visto grandes oscilações de preços e volatilidade nos últimos anos. Alguns traders de criptomoedas prosperaram com estes movimentos, enquanto outros não. Assim, o que poderá fazer hoje para conseguir alcançar o melhor trader de criptomoedas que há em si? Neste artigo, irá...
O que é Bitcoin Cash? Como Negociar Bitcoin Cash
Já todos ouvimos falar sobre Bitcoin, mas o que é Bitcoin Cash?Neste artigo, entramos em detalhes sobre a Bitcoin Cash, para que entenda melhor esta criptomoeda cada vez mais popular.Irá aprender sobre as diferenças entre Bitcoin Cash e Bitcoin, o blockchain, as principais diferenças entre moedas cr...
O que é Bitcoin? Como negociar no mercado Bitcoin (CFDs)?
A Bitcoin teve realmente o seu "apogeu" em 2017, quando o preço passou os $900 em janeiro de 2017, disparando para um máximo histórico de $19.650 a 15 de dezembro de 2017. Atualmente, nos anos anteriores ao ano 2021, a Bitcoin e outras criptomoedas estabeleceram-se como instrumentos financeiros conv...
Ver Tudo