Como comprar ações da Apple | Investir na Apple

Roberto Rivero
12 Min leitura

A Apple é sem dúvida uma das empresas mais bem-sucedidas de todos os tempos. De fato, no momento em que escrevemos, esta é a maior empresa do mundo em capitalização de mercado. A gigante da tecnologia criou seguidores bastante fortes dentro de quem se tornou seu fã, com cada novo lançamento de produto atraindo atenção considerável em todo o mundo.

Com tanto sucesso no passado, os investidores podem perguntar-se: 'devo comprar ações da Apple?'

Neste artigo, forneceremos informações para aqueles que estão a pensar em investir em ações da Apple, vamos mostrar uma análise do preço recente das ações da Apple, demonstraremos como comprar ações da Apple e muito mais!

Apple Inc. – Uma Breve História

Desde a sua fundação em 1976, a Apple tornou-se a maior empresa do mundo em valor de mercado, quebrando vários recordes ao longo do seu caminho.

Mas como foi lá parar? Antes de olharmos para a perspectiva de investir na Apple e demonstrarmos como comprar ações da Apple, vamos observar alguns dos destaques da ilustre história da Apple:

  • 1976: Apple fundada por Steve Jobs, Steve Wozniak e Ronald Wayne. Mais tarde naquele mesmo ano, o protótipo Apple I estreou, tendo sido construído à mão por Wozniak e supostamente financiado com a venda do VW Camper Van de Jobs e da calculadora HP-65 de Wozniak;
  • 1980: Apple torna-se pública por meio de uma Oferta Pública Inicial (IPO);
  • 1982: Apple é adicionada ao S&P 500;
  • 1984: Macintosh original é lançado;
  • 1985: Steve Jobs demite-se da Apple após ser forçado a sair e posteriormente funda a NeXT;
  • 1996: Após um período de queda nas mãos da Microsoft, a Apple adquire a NeXT e traz de volta Jobs, que se tornou CEO no ano seguinte e transformou gradualmente a Apple na empresa que conhecemos hoje;
  • 2001: Lançamento do iPod;
  • 2007: O primeiro iPhone é revelado;
  • 2010: O primeiro iPad é lançado e, mais tarde naquele ano, a capitalização de mercado da Apple supera a da concorrente Microsoft pela primeira vez desde 1989;
  • 2018: a Apple torna-se a primeira empresa dos EUA a atingir um valor de mercado de $1 trilião de dólares;
  • 2020: a Apple torna-se a primeira empresa dos EUA a atingir um valor de mercado de $2 triliões de dólares.

Resultados Financeiros da Apple

O regresso de Steve Jobs à Apple deu início a um período de sucesso desenfreado para a gigante da tecnologia e, principalmente desde que o iPhone foi lançado pela primeira vez em 2007, a lucratividade da Apple disparou.

Ao investir na Apple, ou em qualquer outra empresa, é importante lembrar está a adquirir uma parte da empresa. O sucesso do seu investimento depende do sucesso contínuo dos negócios da Apple. Portanto, é importante familiarizar-se com o desempenho financeiro recente da empresa e as suas perspectivas futuras.

Na tabela abaixo, destacamos alguns dos principais números dos resultados anuais da Apple para o ano fiscal de 2022.

 

24 de setembro de 2022

 em 25 de setembro de 2021 % de variação anual em 2021
Vendas Líquidas $394.33 biliões $365.82 biliões 7.79%
Resultado Líquido $99.80 biliões $94.68 biliões 5.41%
Lucro por Ação (EPS) $6.15 $5.67 8.47%

Fonte: Apple – ano fiscal de 2022

Análise do preço das ações da Apple

Especialmente na última década, o preço das ações da Apple experimentou um crescimento fenomenal, ganhando mais de 1.000% nos dez anos a terminarem a 31 de maio de 2023. Antes de abordarmos a questão 'devo comprar ações da Apple?', vamos analisar primeiro o histórico recente do preço das ações da Apple.

Depois de registar um ganho de 86% em 2019, as ações da Apple começaram bem o ano de 2020, mas – em fevereiro, quando o coronavirus começou a espalhar-se pelo mundo – o preço das ações da Apple caiu, caindo mais de 30% em pouco menos de seis semanas.

No entanto, esta tendência de queda não durou muito. A Apple, como muitas outras ações de tecnologia, registou um sucesso extraordinário durante as restrições na pandemia que se seguiram. Depois de atingir um mínimo de $56,09 a 23 de março de 2020, as ações da Apple dispararam e ganharam cerca de 217% até ao final de 2021.

No entanto, como acontece com muitas ações, as ações da Apple tiveram dificuldades em 2022 com a subida da inflação, aumento das taxas de juro e uma perspectiva económica incerta. No final de 2022, o preço das ações da Apple havia caído 27%.

Até agora, o ano de 2023 foi muito mais gentil para a Apple, com o preço das ações a subir 44% nos primeiros seis meses, recuperando as perdas do ano anterior neste processo.

E se eu tivesse investido na IPO da Apple?
Um investimento de $1.000 na Apple ao preço da IPO de $22 por ação teria comprado 45 ações da Apple. Ajustando para desdobramentos de ações subsequentes, a 22 de junho de 2023, você teria 10.080 ações, uma posição no valor de cerca de $1.884.960!

O forte desempenho da Apple este ano continuará? Na seção seguinte, examinaremos a questão "devo comprar ações da Apple?"

Investir na Apple com a Admirals

Com uma conta Invest.MT5 da Admirals, você pode comprar ações da Apple, bem como ações de mais de 4.500 ações e mais de 200 Exchange-Traded Funds (ETFs) de 15 das maiores bolsas de valores do mundo! Clique no banner abaixo para abrir uma conta ainda hoje:

Investir nos principais instrumentos globais

Milhares de ações e ETFs na ponta dos seus dedos

Devo comprar ações da Apple em 2023?

É verdade que as ações da Apple não tiveram um bom desempenho em 2022, mas é importante olhar para esta queda no contexto do mercado de ações mais amplo, que sofreu com as circunstâncias económicas desafiadoras recentes. Além disso, ao analisar o sucesso passado de uma ação, é melhor olhar para o quadro geral em vez de focar muito em anos de forma individual.

A Apple tem sido, sem dúvida, uma das ações de maior sucesso na história recente em termos de crescimento do preço das ações. Desde a sua estreia no mercado de ações em 1980, as ações da Apple subiram quase 135.000%. Mas o que torna a Apple bem-sucedida? Vale a pena comprar ações da Apple agora?

À primeira vista, o modelo de negócios da Apple é simples - esta produz e vende uma série de bens e serviços de consumo. No entanto, o que dá à Apple uma séria vantagem competitiva sobre os seus rivais é o alto grau de fidelidade à marca que ela possui.

Essa fidelidade excepcional à marca historicamente quase garantiu o seu sucesso em cada novo projeto que a empresa lança. Isto também significa que os clientes dedicados da Apple atualizam regularmente os seus produtos existentes para novos modelos, algo que é ajudado pelo talento da Apple em rapidamente tornar os produtos existentes obsoletos.

O ecossistema de sucesso que a Apple criou significa que, uma vez inserido, é muito difícil para os consumidores sair. iPhones, iPads, MacBooks, AirPods e Apple Watches são todos projetados para se integrarem bem uns aos outros, o que significa que, uma vez que um consumidor compra um produto da Apple, é provável que acabe comprando mais.

Esta alta fidelidade à marca e ecossistema de sucesso ajudaram a transformar a Apple numa das empresas mais lucrativas do planeta, com margens de lucro relativamente altas. Em 2022, o lucro líquido da Apple foi de quase $100 biliões, valor que supera o Produto Interno Bruto (PIB) de muitos países.

A Apple também tem um histórico de tratar muito bem os seus acionistas através de um generoso programa de retorno de capital, isto é, dividendos. Ao contrário de muitas outras ações populares de tecnologia, a Apple paga um dividendo trimestral, embora o seu rendimento atual de 0,5% não a coloque entre as ações de maior rendimento.

No entanto, o seu programa de recompra de ações tornou-se cada vez mais luxuoso nos últimos anos, com a gigante da tecnologia recomprando $90 biliões de dólares das suas ações em 2022. Esta recompra mais recente significa que, desde o início do programa em 2013, a Apple gastou cerca de $550 biliões comprando de volta as suas próprias ações.

As recompras de ações reduzem o número de ações em circulação, o que significa essencialmente que os acionistas existentes observam a sua participação a crescer sem ter que fazer nada. Além disso, as recompras podem aumentar o preço das ações e também sinalizar a confiança da administração no seu negócio.

Riscos potenciais de comprar ações da Apple

Certamente há muito para gostar nas ações da Apple; no entanto, aqueles que consideram investir em ações da Apple devem pesar os seus riscos, bem como os potenciais benefícios. O mercado de ações pode ser imprevisível e os investimentos podem perder valor, principalmente no curto prazo.

Em 2022, mais da metade da receita da Apple foi gerada pelas vendas do iPhone. Uma desaceleração neste mercado pode, portanto, ter ramificações nos ganhos da Apple. Além disso, com tanto dinheiro a ser devolvido aos acionistas em vez de ser reinvestido na empresa, existe o risco de que a inovação futura da Apple sofra consequências.

Como comprar ações da Apple

Com uma conta Invest.MT5 da Admirals, pode comprar ações da Apple em condições competitivas! Para saber como comprar ações da Apple, siga estes passos:

  1. Abra uma conta Invest.MT5 e inicie sessão no Dashboard;
  2. Encontre os detalhes da sua conta e clique em 'Investir' para abrir a Plataforma Admirals;
  3. Pesquise as ações da Apple e abra a página do instrumento;
  4. Digite o número de ações da Apple que deseja comprar e clique em 'Comprar' para enviar o pedido ao mercado!
Fonte: Admirals Platform – Apple Inc. Registo: 26 de junho de 2023. O desempenho passado não é um indicador confiável de resultados futuros.

Opere com uma conta de demonstração sem riscos

Se está interessado em investir, mas não se sente ainda preparado para o mercado real, uma conta de trading de demonstração pode ser o ideal. A Conta Demo sem risco da Admirals permite praticar trading e investimento em condições de mercado realistas sem arriscar o seu dinheiro! Clique no banner abaixo para abrir a sua conta de demonstração gratuita ainda hoje:

Negoceie com uma Conta Demo sem risco

Pratique trading com fundos virtuais

Perguntas Frequentes sobre a Apple

Quando foi a IPO da Apple IPO?

A Apple Inc. abriu o capital ao público a 12 de dezembro de 1980 por um preço de IPO de $22 por ação.

Como comprar ações da Apple?

Para comprar ações da Apple, precisa de se registar com uma corretora que lhe permita ter acesso ao mercado de ações dos EUA. Com a Admirals, pode investir na Apple e em mais de 3300 outras ações dos EUA.

Quanto a Apple paga em dividendos?

Em 2022, a Apple pagou um dividendo total de $0,91 por ação ordinária. No momento da redação deste artigo, as ações da Apple têm um rendimento de dividendos de 0,5%.

Com que frequência a Apple paga dividendos?

No momento da redação deste artigo, a Apple atualmente distribui dividendos trimestralmente.

Quando a Apple fará um desdobramento das suas ações?

A Apple dividiu as suas ações em cinco ocasiões, sendo a maior divisão de 4-1 a 28 de agosto de 2020. No momento da redação deste artigo, a Apple não anunciou nenhum plano para um novo desdobramento de ações. 

INFORMAÇÃO SOBRE MATERIAIS ANALÍTICOS:  

Aviso: Os dados fornecidos fornecem informações adicionais sobre todas as análises, estimativas, prognósticos, previsões ou outras avaliações ou informações similares (doravante "Análise") publicadas nos websites das empresas de investimento da Admirals. Antes de tomar qualquer decisão de investimento, preste muita atenção ao seguinte:

  • Esta é uma comunicação de marketing. A análise é publicada por motivos informativos apenas e não é construída sob a forma de aconselhamento ou recomendação de investimento. Não foi elaborado de acordo com os requisitos legais destinados a promover a independência da pesquisa de investimento, e que não está sujeito a qualquer proibição de lidar com a disseminação da pesquisa de investimento.
  • Qualquer decisão de investimento é tomada por cada cliente, enquanto a Admirals não será responsável por qualquer perda ou dano decorrente de tal decisão, com ou sem base na Análise.
  • Para garantir que os interesses dos clientes sejam protegidos e a objetividade da Análise não seria prejudicada, a Admirals estabeleceu procedimentos internos relevantes para a prevenção e gestão de conflitos de interesse.
  • Cada uma das Análises é preparada por um analista independente,(doravante "Autor"), com base em estimativas pessoais.
  • Embora todos os esforços razoáveis sejam feitos para garantir que todas as fontes da Análise sejam fiáveis e que todas as informações sejam apresentadas, tanto quanto possível, de uma forma compreensível, oportuna, precisa e completa, a Admirals não garante a exatidão ou integridade de qualquer Análise ou informações contidas na Análise. Os números apresentados referem que qualquer desempenho passado não é um indicador confiável de resultados futuros.
  • O conteúdo da Análise não deve ser interpretado como uma promessa expressa ou implícita, garantia ou implicação por parte da Admirals de que o cliente lucrará com as estratégias aqui contidas ou que as perdas em relação a elas serão limitadas.
  • Produtos alavancados (incluindo contratos por diferença) são de natureza especulativa e podem resultar em perdas ou lucros. Antes de começar a negociar, certifique-se de que compreende todos os riscos.
TOP ARTIGOS
Investir na Amazon | Como comprar ações da Amazon em 2024?
O valor das ações da Amazon subiu mais de 1500% nos últimos anos. Vamos analisar a sua evolução na bolsa e perceber como investir na Amazon em 2024 após os seus resultados. ✺ Amazon superou as expectativas com os resultados do quarto trimestre de 2023;✺ Amazon foi a segunda empresa na...
Investir na Google | Como comprar ações da Google em 2024?
Como comprar ações da Google? Existem duas opções: comprar ações da empresa diretamente na bolsa de valores ou especular sobre o movimento dos preços. Mas, antes de tomar uma decisão sobre investir na Google, o melhor é analisar a sua evolução na bolsa e os fatores que podem influenci...
Como investir em ações da Netflix em 2024?
Existem duas maneiras de investir na Netflix: comprar ações da Netflix diretamente ou especular sobre o movimento dos preços por meio de CFDs. Atualmente o preço de suas ações caiu drasticamente devido à perda de assinantes. É uma boa oportunidade para investir na Netflix a um preço melho...
Ver Tudo