Como Comprar Ações Alibaba? Guia Compreensivo do Gigante Chinês

Agosto 08, 2021 09:07 UTC
Tempo de leitura: 22 minutos

Algo que temos observado, e que seguramente terá maior preponderância na próxima década, é que China e Estados Unidos lutarão pela liderança mundial. Essa luta já se manifesta a nível de guerra comercial, que poderá agora ser amenizada com a chegada de Joe Biden à Casa Branca. Esta luta também se manifesta no campo de competição dos seus respectivos campeões tecnológicos: o infame GAFA (Google, Amazon, Facebook, Apple) para os Estados Unidos e o BATX (Baidu, Alibaba, Tencent, Xiaomi) para a China.

Dentro do grupo chinês BATX, existe um empreendimento que se destaca dos restantes como sendo um líder carismático. Falamos sobre o Alibaba. Para o grosso da opinião pública no Ocidente, o Alibaba é considerado a Amazon chinesa, embora, neste caso, estejamos a referir um mercado que carece quase na totalidade de suporte físico. Quer comprar ações Alibaba?

👉 Antes que a petrolífera saudita Aramco a superasse, o Alibaba protagonizou a maior IPO da história

Existe ainda algum ceticismo no que toca às ações Alibaba por motivos de transparência, falta de regulamentação e possíveis vínculos ao governo chinês. No entanto, falamos sobre a Alibaba, uma empresa listada em mercados de ações financeiros confiáveis, como Nova York e Hong Kong, e que não fica a dever nada à Amazon.

Se estiver interessado em investir ou comprar ações de um dos membros do clube BATX, neste artigo estudaremos o seu histórico de preços, modelo de negócio, as suas ações, etc. Finalizaremos com os riscos e oportunidades que o investimento em ações Alibaba oferece.

História do Grupo e das ações Alibaba

Fundado a 4 de Abril de 1999 por Jack Ma com a ajuda de 17 amigos, o Alibaba Group é uma empresa chinesa de tecnologia multifacetada. Ao longo dos anos, este especializou-se em e-commerce, serviços de cloud, pagamentos online, media e entretenimento, e inovação tecnológica.

No ano da sua incepção, o Alibaba tinha acabado de lançar o seu primeiro negócio B2B (Business-to-Business), 1688.com.

Com o desejo de crescer rapidamente, o Alibaba recebeu sucessivos fundos do Goldman e da Softbank. Este último é presentemente um dos principais detentores de ações Alibaba.

➽ O Alibaba Group alcançou a façanha histórica de gerar lucros após apenas três anos de atividade. É uma das poucas empresas que superou a bolha Dotcom. Em 2003, o Ebay entra no mercado chinês e tem como objetivo comprar uma das subsidiárias do Grupo Alibaba, a Taobao.

Jack Ma rejeita imediatamente a compra e depreende que o Alibaba Group deverá ser soberano e, só assim poderoso, contra concorrentes estrangeiros, para que se estabeleça com sucesso no mercado chinês.

Para forçar o Ebay a abandonar o mercado chinês, sendo este o seu principal concorrente, as várias subsidiárias do Alibaba Group estão a fazer-se valer dos avanços tecnológicos e hábitos de consumo da população chinesa, originando-lhe pesados prejuízos graças ao seu cash flow positivo.

Em 2005, o Yahoo (posteriormente adquirido pela Verizon) adquiriu uma participação de 40% no Alibaba Group por 1 bilião de dólares. Em 2012, o Yahoo vendeu metade da sua participação em ações Alibaba Group para encaixar fundos e utilizar os mesmos para reestruturar os seus negócios em declínio.

A empresa americana lamentou-se amargamente por esta tomada de decisão, visto que se privou do sucesso da IPO do Alibaba, em Setembro de 2014.

Em Dezembro de 2004, o Alibaba lançou o Alipay, o equivalente ao PayPal na China. Em 2007, ingressou no mercado publicitário com a Alimama. Em Setembro de 2009, passa a oferecer serviços cloud com o Alibaba Cloud.

➽ Hoje, as suas subsidiárias são uma enorme fonte de receita. Em Abril de 2010, após conquistar o mercado chinês, o Alibaba tornou-se global com o seu mercado AliExpress.

Em Junho de 2014, o Alibaba Group tornou-se um dos acionistas maioritários do clube de futebol chinês Guangzhou Evergrande, com quase 38% do seu capital total.

➽ Em Setembro de 2014, o Alibaba Group, conforme avançámos acima, gozou de uma IPO histórica. A Saudi Aramco viria a ultrapassá-la muito mais tarde, em Dezembro de 2019.

Nos anos que se seguiram à sua IPO, o Alibaba Group continuou a fortalecer a sua posição de liderança no mercado chinês e no continente asiático, concentrando-se em participações de mercado externo.

A empresa chinesa adquire a plataforma de e-commerce do sudeste asiático, Lazada, a plataforma de logística chinesa, Elle.me, e posteriormente a Kaola, uma plataforma chinesa de importação e exportação.

A 10 de Setembro de 2018, Jack Ma renunciou ao cargo de CEO para se focar principalmente nas suas atividades de caridade e filantropia. No entanto, permanece como um dos principais acionistas da gigante chinesa e mantém um lugar no seu conselho de administração.

No mesmo mês, o Alibaba Group criou a Pingtouge, uma divisão de semicondutores, com o intuito de obter independência tecnológica e de aquisições, após a guerra comercial entre a China e os Estados Unidos. É, naturalmente, uma extensão das suas atividades de serviço cloud.

Ambicionando estar ao nível de Amazon e Microsoft nos serviços cloud, o Alibaba Group demonstrou sua ambição internacional ao adquirir a Big Data Artisans - uma startup alemã especializada em big data.

Desta operação resultou a continuada colaboração das duas empresas desde 2016.

Em Janeiro de 2017, o Alibaba Group, conjuntamente com a sua subsidiária Ant Financial (Ant Group), planeava cimentar uma posição no campo de serviços financeiros nos Estados Unidos, com a aquisição da Moneygram. Esta fusão-aquisição foi bloqueada por Donald Trump que apresentou justificações estratégicas e de segurança nacional.

Após sucessivos adiamentos, as ações Alibaba entraram oficialmente na Bolsa de Valores de Hong Kong, em Novembro de 2019.

Em Agosto de 2020, o Ant Group lança os primeiros preparativos para a sua IPO, programada para Novembro de 2020. Meros dias antes da sua estreia em bolsa, a Bolsa de Valores de Xangai adia-a por razões desconhecidas.

Existe a possibilidade de que o governo chinês tenha intervido, após comentários desagradáveis ​​de Jack Ma dirigidos ao regulador dos mercados financeiros chineses. Mas não poderemos excluir a hipótese de que o medo do “monopólio”, terá conduzido o governo a um ponto em que receie perder a sua autoridade.

A 19 de Outubro de 2020, o Alibaba Group adquire a cadeia de hipermercados chinesa Sun Art Retail Group, um negócio semelhante ao da Amazon com a Whole Foods, confirmando assim o Alibaba Group a sua expansão na China, tanto no comércio físico quanto online.

A 30 de Novembro de 2020, o Alibaba Group era a sétima maior empresa do mundo em capitalização de mercado, e a sexta a operar nos EUA.

Pode acompanhar o comportamento e preço das ações Alibaba em tempo real, graças à plataforma de trading MetaTrader 5 disponibilizada pela Admiral Markets. Ferramenta gratuita que lhe permite personalizar tudo a seu gosto e analisar o gráfico das ações Alibaba. Comece hoje a negociar! 

Modelo de Negócio das ações Alibaba Group

O Alibaba Group afirma ser uma empresa de tecnologia que permite aos clientes satisfazer as suas necessidades e preocupações. Para atingir este seu propósito, criou um ecossistema centrado no cliente, como fizeram a Apple e a Amazon.

Os negócios do Grupo Alibaba são divididos em quatro atividades:

  • Comércio básico dividido em seis subatividades (86% da sua receita, incluindo mais de 80% na China): comércio de varejo, comércio por atacado, comércio a varejo internacional, comércio por atacado internacional, serviços de logística e serviços ao consumidor.
  • Serviços cloud com o Alibaba Cloud, terceiro a nível mundial e líder na Ásia-Pacífico (8% das suas receitas).
  • Digital media e entretenimento (5% da sua receita), sendo uma expansão lógica das suas principais atividades de comércio e serviços cloud. Tal como os seus concorrentes americanos, a empresa chinesa está a travar uma guerra de conteúdo.
  • Iniciativas de R&D (1% da sua receita). Atividade que consiste no desenvolvimento de novos produtos e serviços que visam melhorar a experiência do cliente.

O Alibaba Group tem marcas líderes na China e na Ásia-Pacífico em cada uma dos seus ramos de atividades, tais como:

  • Alibaba.com, AliExpress, Taobao, 1688, Tmall, Alimana, Lazada, Freshippo, Alibaba Health, Ant Group, Alipay para o comércio principal.
  • Alibaba Cloud para serviços cloud,
  • Youku, UC, Tudou, South China Morning Post, Weibo para digital media e entretenimento,
  • Amap, DingTalk, Tmall Genie para R&D.

Alguns destes estão a começar a ganhar tração internacionalmente apesar da guerra comercial dos Estados Unidos sob a administração Trump.

Fundador Jack Ma

Embora não seja o único arquiteto do sucesso do Alibaba, Jack Ma pode ser considerado como o seu “pai”. Na sua juventude, mostrou perseverança face a muitos fracassos.

Nos seus estudos académicos, o fundador do Alibaba era exímio em línguas, mas ficava aquém noutras disciplinas. Foi-lhe rejeito o ingresso por múltiplas ocasiões na famosa Universidade de Harvard.

Apesar dos empregos com salários abaixo da média e esforços extra-curriculares, Jack Ma obteve, em 1998, o seu diploma, assim como uma posição como professor de inglês na Universidade Politécnica de Hangzhou.

Foi em 1995, durante uma viagem de uma delegação chinesa aos Estados Unidos, na qualidade de tradutor, que o conceito surgiu. Jack Ma descobre a Internet e o seu potencial. No mesmo ano, ele fundou um dos primeiros sites online da rede chinesa, o China Pages.

Quatro anos depois, nasce o Alibaba. Em 2003, a sua fatia de mercado era similar à do Taobao mas, uma década mais tarde, detinha cerca de 80% do mercado de comércio eletrónico na China. Em 2010, Jack Ma deu continuidade à sua ascensão internacional com o AliExpress.

Jack Ma canalizou muito do sucesso financeiro do Alibaba para investir a sua fortuna pessoal em castas de vinho francesas, em Gironde, no clube de futebol Guangzhou Evergrande ou na imprensa, com o South China Morning Post.

Durante a guerra comercial entre os Estados Unidos e a China, Jack Ma alertou para quem quisesse escutar de que se tratava de uma tomada de posição “como a mais estúpida do mundo”, acreditando que esta poderia/poderá desestabilizar relações internacionais.

De acordo com o último ranking da Forbes de 2020, Jack Ma é o décimo sétimo indivíduo mais rico do mundo e o mais rico da China. O adiar do IPO do Ant Group pode fazer com que desça posições na próxima contabilização de ranking.

Acionistas da Alibaba

O Yahoo (adquirido pela Verizon) foi durante os primeiros anos um dos principais detentores de ações Alibaba, com uma participação de 40%. Porém, em 2012, vendeu metade dessa participação, perdendo grande parte da sua presença na IPO.

As ações Alibaba estrearam-se em bolsa a 68$ de PPA. A 11 de Janeiro de 2021, as ações  Alibaba valiam 230$. O Yahoo, por intermédio da marca Altaba, detinha 11,13% do grupo a 30 de Setembro de 2019. Em Janeiro de 2020, a Altaba vendeu toda a sua participação na empresa chinesa.

De acordo com o último relatório anual de 2020, os principais detentores de ações Alibaba são a holding japonesa Softbank com 24,9% do capital, os cofundadores Jack Ma e Joseph Chung-Hsin Tsai, respectivamente, com 4,8% e 1,6%.

A capitalização remanescente encontra-se dividida entre vários investidores institucionais, como por exemplo o fundo soberano norueguês - Capital Research & Management.

A listagem das ações Alibaba em Nova York é consumada sob a avenida de uma ADR (American Depositary Receipt), certificado de garantia que permite a listagem de empresas estrangeiras nos mercados norte-americanos. Na realidade, um investidor não estará realmente a investir em ações, mas sim num instrumento financeiro emitido por um banco dos Estados Unidos.

Ele multiplica amplamente a difusão de ações estrangeiras que são negociadas longe do seu berço financeiro original.

Obviamente, os principais investidores de ações Alibaba em Nova York são investidores institucionais dos EUA, como a T. Rowe Price Associates, Vanguard Group, SSga Funds Management, Fidelity Management & Research, BlackRock, HSBC Global Asset Management, etc.

Ações Alibaba - Histórico

O sucesso da sua oferta pública inicial(IPO), a 18 de Setembro de 2014, permitiu que as ações Alibaba crescessem, de 68$, o seu preço inicial, para 94$. Entre 15 de Outubro de 2014 e 13 de Novembro de 2014, as ações subiram de 86$ para 120$. Desse momento, e  até 29 de Setembro de 2015, as ações Alibaba sofreram quedas acrescidas.

A proibição do período em que insiders podiam vender os seus títulos de ações Alibaba após a IPO, a incerteza dos investidores em relação ao seu modelo de negócios e o ceticismo em investir em ações chinesas, resultaram numa perda superior a 50% no Alibaba Group.

Fonte: Plataforma MetaTrader5 da Admiral Markets. Gráfico mensal Alibaba (#BABA). Intervalo de dados: 1 de Março de 2016 a 12 de Janeiro de 2021. Gráfico elaborado a 12 de Janeiro de 2021 às 09:00 GMT. Observe que o desempenho passado não é uma garantia de desempenho futuro.

É a partir dos seus mínimos históricos, a 29 de Setembro de 2015, a cerca de 57$, que a empresa começa a sua trajetória ascendente, atingindo o seu máximo histórico, em Outubro de 2020.

Como podemos confirmar no gráfico a longo prazo, as ações Alibaba mantiveram uma forte tendência de alta com um desempenho de cerca de 400%.

Vejamos agora, num gráfico a curto prazo, como as ações Alibaba Group tiveram um excelente desempenho durante a crise originada pela pandemia do vírus Covid-19.

Plataforma: MetaTrader5 da Admiral Markets. Gráfico diário Alibaba (#BABA). Intervalo de dados: 31 de Agosto de 2020 a 18 de Junho de 2021. Gráfico elaborado a 18 de Janho de 2021, às 09:30 GMT. Lembre-se de que retornos anteriores não garantem retornos futuros.

Depois de cair 26% entre Fevereiro e Março com o surgir da pandemia, as ações Alibaba deram entrada num canal de altas, atingindo o seu máximo histórico à data de 319$ PPA, a 27 de Outubro.

O adiar da cotação no mercado da bolsa de valores da sua subsidiária, Ant Group, serviu de pretexto para uma súbita liquidação de lucros por parte dos investidores. Um problema temporário cujo impacto provavelmente será diluído com o tempo.

Ao momento da elaboração do artigo, o valor das ações Alibaba enfrentam uma correção face aos valores que vinha trazendo, de imediações do seu máximo histórico. Teremos que aguardar por este período de consolidação para constatar que direção tomará o valor das ações Alibaba, mas a análise das ações Alibaba, a médio e longo prazo, aponta para crescimentos justificados por bons resultados financeiros: vendas em constante crescimento, boa gestão de custos operacionais, aumento de lucros e cash flow positivo.

À data da elaboração do artigo, as ações Alibaba encontram-se a ser negociadas a 212$. 

A empresa chinesa poderia distribuir dividendos pelos seus investidores. Infelizmente, não faz parte da sua política criar valor para os acionistas.

Se deseja acompanhar e negociar as ações Alibaba, ou qualquer um dos 8000 instrumentos financeiros que a Admiral Markets disponibiliza para si, sem o risco de perder o seu investimento, basta abrir hoje uma conta DEMO. Para abrir a sua conta DEMO com a Admiral Markets, basta clicar na imagem que se segue:

Irão as ações Alibaba pagar dividendos?

Com um excelente desempenho no mercado de ações desde a sua IPO, seria de esperar que as ações Alibaba o recompensassem com uma distribuição de dividendos. Existem bons argumentos para suportar esta premissa, como o aumento constante do seu cash flow e uma resoluta saúde financeira.

A sua dívida representa, respectivamente, 1,1 e 0,85 vezes o seu lucro e fluxo de caixa. Além disso, os custos dos seus juros representam apenas 4,8% do seu lucro operacional.

No entanto, como em todas as empresas de tecnologia em alto crescimento, geralmente a sua política de alocação de capital tende a basear-se na recompra de ações e utilizar os recursos para exponenciar os seus motores de crescimento.

Em 2020, as ações Alibaba reinvestiram parte dos seus lucros no fortalecimento da sua liderança em comércio online, serviços cloud, digital media e entretenimento, e até mesmo serviços financeiros.

A multinacional chinesa também reservou fundos para a IPO de sua subsidiária Ant Group que, infelizmente, foi suspensa no último minuto pela Bolsa de Valores de Xangai por razões desconhecidas.

Apesar do adiar da maior oferta pública inicial da história da Bolsa de Valores, a sua posição atual incentiva o Alibaba a investir nos seus negócios como a Amazon, ao invés de distribuir dividendos pelos seus acionistas.

Será isto um sinal negativo? Não, porque o Alibaba é uma empresa lucrativa com boas perspectivas de crescimento. As suas atividades têm ainda elevado potencial de expansão.

Enquanto as ações Alibaba estiverem numa fase de rápido crescimento, os investidores não deverão gerar expectativas de dividendos nos próximos anos.

A IPO do Ant Group, embora adiado, é a prova de que os investimentos de hoje serão ganhos futuros aos olhos dos executivos do Alibaba.

Trading de ações Alibaba - Riscos e oportunidades

As suas excelentes qualidades intrínsecas, tanto a nível empresarial como financeiro, fomentam uma opinião positiva sobre as ações Alibaba. A multinacional chinesa ainda tem um futuro brilhante pela frente, só no mercado chinês.

A grande maioria vê a China como uma fábrica mundial de roupas baratas, equipamentos eletrónicos e eletrodomésticos.

Nos últimos anos, na era Xi Jiping, a China deu uma volta de 180 graus, de um modelo económico industrial, para um impulsionado pela procura doméstica. Neste caso, as ações Alibaba Group saíram como as grandes vencedoras.

Embora o seu potencial de crescimento esteja em decréscimo, a China continua a ser a principal área de crescimento do mundo, com 6%/ano.

Apesar do seu sistema semi-democrático e da censura por parte do Estado chinês, ainda assim a China permanece essencial para as empresas ocidentais. O modelo económico centrado na procura doméstica permitiu o desenvolvimento acelerado da classe média.

Contribui para isso o fato de existirem grandes aglomerações com mais de 300 milhões de habitantes. Ao contrário da classe média dos países ocidentais, a classe média chinesa é mais privilegiada, com alta média de poder de aquisição.

Os chineses são apaixonados por marcas estrangeiras. Uma vez que o Alibaba Group forma parcerias, é possível conquistar e reter clientes rapidamente por intermédio de programas de promoção em compras online. A classe média na China deverá dobrar nos próximos dez anos.

A urbanização, a digitalização por meio de smartphones, o lançamento do 5G e um yuan forte em relação ao dólar são os principais impulsionadores. Essa tendência subjacente oferece visibilidade em termos de impulsionadores de crescimento para as ações Alibaba. A sua rentabilidade futura poderá ainda crescer e atingir níveis recorde.

Além disso, a sua receita está concentrada na China, sugerindo que o Alibaba Group dispõe de uma alavanca interessante para o crescimento, já que nos países desenvolvidos a concorrência é mais feroz com Amazon, Rakuten, Ebay e Shopify, mesmo que a empresa chinesa se faça valer também da sua subsidiária AliExpress.

👉 Mas é em África que o Alibaba Group começou a traçar o seu curso desde 2017. Ao deixar sua posição como CEO do grupo, Jack Ma visita regularmente sua fundação em vários países africanos.

Em plena crise Covid-19, Ma forneceu suporte como pôde, fornecendo equipamentos médicos, como máscaras, kits de detecção e roupas de proteção. Como agradecimento, os estados africanos estão a abrir-lhe as suas portas.

Como o uso de dispositivos móveis predomina, isto facilita a implementação dos vários serviços do Grupo Alibaba.

Riscos de investir no mercado de ações Alibaba. A priori, existem poucos riscos à vista, mas estes são sempre existentes. Tal como acontece com o GAFA, o BATX está na mira dos formuladores de políticas. Eles vêem-nos, com ou sem razão, como uma ameaça ao seu próprio poder e ao bem-estar do consumidor. O seu monopólio em certos setores de atividade representa um dilema, pois pode impedir o surgir de novos concorrentes e inovações. Nos Estados Unidos, provavelmente já terá ouvido falar de investigações antitrust e, na Europa, de multas contra o GAFA.

Na China, o adiamento da IPO do Ant Group pela Bolsa de Valores de Xangai é uma séria tomada de posição face aos membros do BATX.

Os gigantes da tecnologia estão a tentar otimizar legalmente os seus impostos a todo o custo. Obviamente, isto significa menos receita nos cofres dos estados, que se encontram já fortemente endividados com a crise do vírus Covid-19.

Os Estados poderão encontrar pretextos aceitáveis para que a opinião pública questione parte do seu modelo de negócios, como a confidencialidade de dados privados, por exemplo. Isto não significa o fim de sua existência, pois o seu setor de negócios é muito diversificado. Em vez de existir Alphabet, poderíamos pensar em ações Google e YouTube.

Na Amazon, teríamos Amazon.com, Prime Video, Amazon Cloud. No Facebook, podemos dividir a rede em três partes: Facebook.com, Instagram e WhatsApp. Do lado do Grupo Alibaba, a lista seria exaustiva, tal como descrita na parte comercial do Grupo Alibaba.

A curto prazo, o impacto do desmantelamento de um monopólio seria doloroso. Mas, a longo prazo, não existe nada de errado em ter novas iterações de uma mesma empresa, já que a maioria delas são empreendimentos de boa qualidade inerente.

Como comprar ações Alibaba na Admiral Markets?

Se deseja economizar comissões ao investir em ações, pode comprar ações Alibaba, sem comprometer capital significativo, com a Admiral Markets, usando Contratos por Diferença (CFD's).

CFD's são produtos derivados cujo valor é baseado em ativos subjacentes, como ações, títulos, commodities ou até mesmo Forex. Pela flexibilidade, podem ser negociados 24 horas por dia, tanto na compra quanto na venda, com alavancagem.

A alavancagem é uma ferramenta que deve ser manuseada com cuidado, pois pode funcionar a seu favor ou contra si, dependendo das movimentações de mercado. Se o mercado se mover antagonicamente à sua posição, poderá multiplicar o seu prejuizo.

Para comprar ações do Grupo Alibaba, basta seguir estes passos:

1️⃣ Conecte-se à sua conta de negociação MetaTrader 5

2️⃣ Em Exibir, clique nos símbolos, pesquise por Alibaba, clique em mostrar e aceite

3️⃣ Na janela Market Watch, arraste o CFD das ações Alibaba para o gráfico

4️⃣ Clique com o botão direito do rato no gráfico, selecione Trades e, em seguida, New Order para abrir sua posição.

Basta seguir estas etapas para começar a negociar! Invista e comece comprar ações Alibaba, normalmente ou a descoberto com CFD's na conta Trade.MT5.

Se clicar no banner a seguir, irá encontrar todas as informações sobre os tipos de contas que a Admiral Markets disponibiliza, bem como todas as condições de cada uma delas. Não perca a oportunidade de começar a lucrar nos Mercados Financeiros!

Sobre a Admiral Markets

INFORMAÇÕES SOBRE MATERIAIS ANALÍTICOS:

Aviso: Os dados fornecidos fornecem informações adicionais sobre todas as análises, estimativas, prognósticos, previsões ou outras avaliações ou informações similares (doravante "Análise") publicadas no website da Aglobe Investments Ltd. Antes de tomar qualquer decisão de investimento, preste muita atenção ao seguinte:

  1. Esta é uma comunicação de marketing. A análise é publicada apenas por motivos informativos e não é construída sob a forma de aconselhamento ou recomendação de investimento. Não foi elaborado de acordo com os requisitos legais destinados a promover a independência da pesquisa de investimento, e que não está sujeito a qualquer proibição de lidar com a disseminação da pesquisa de investimento.
  2. Qualquer decisão de investimento é tomada por cada cliente, enquanto que a Aglobe Investments Ltd não será responsável por qualquer perda ou dano decorrente de tal decisão, com ou sem base no conteúdo.
  3. Com o objetivo de proteger os interesses dos nossos clientes e a objetividade da Análise, a Aglobe Investments Ltd estabeleceu procedimentos internos relevantes para a prevenção e gestão de conflitos de interesse.
  4. A Análise é preparada por um analista independente, com base nas suas estimativas pessoais.
  5. Embora sejam feitos esforços razoáveis para garantir que todas as fontes do conteúdo sejam confiáveis ​​e que todas as informações sejam apresentadas, tanto quanto possível, de maneira compreensível, oportuna, precisa e completa, a Aglobe Investments Ltd não garante a precisão ou integridade de qualquer informação contida na Análise.
  6. Qualquer tipo de desempenho de instrumentos financeiros, passado ou modelado, indicado no conteúdo, não deve ser interpretado como uma promessa, garantia ou implicação expressa ou implícita pela Aglobe Investments Ltd para qualquer desempenho futuro. O valor do instrumento financeiro pode aumentar ou diminuir e a preservação do valor do ativo não é garantida.
  7. Produtos alavancados (incluindo os contratos por diferença) são de natureza especulativa e podem resultar em perdas ou lucros. Antes de começar a negociar, certifique-se de compreender totalmente os riscos envolvidos.
André Gomes
André Gomes Criador de Conteúdo

Trader e estudioso de mercados financeiros. Considera a inter-independência, autodidatismo e literacia financeira como ferramentas essenciais para o sucesso. Especialização na área de Medicinas Holísticas.