Resultados trimestrais mistos são dados a conhecer pela Oracle

Setembro 14, 2021 14:11

Hoje, a atenção do mercado estará focada principalmente em 2 eventos: a divulgação dos dados mais recentes de inflação nos EUA e o evento anual - ‘Keynote’ ​​- da Apple, que terá início às 18:00 BST. Durante esta apresentação, a empresa deverá dar a conhecer, entre outros projetos, o novo iPhone 13, o Apple Watch Series 7 e os novos AirPods.

Enquanto aguardamos pelos importantes dados de inflação e as novidades da Apple, concentraremos a nossa atenção nos resultados apresentados ontem em Wall Street. Especificamente, os resultados do primeiro trimestre fiscal da gigante da tecnologia Oracle, que contempla o intervalo de Maio a Agosto.

A Oracle apresentou resultados mistos após o encerramento do mercado, no qual o lucro por ação excedeu as expectativas de mercado, enquanto a receita caiu pela primeira vez em 12 meses. Especificamente, a Oracle divulgou lucros por ação de 1,03$ e receita de 9,73 biliões de dólares, face aos esperados 0,97$ por ação e 9,76 biliões de dólares em receita.

Fonte: Investing.com

Para já, a Oracle denotou um considerável crescimento de 37,41% na bolsa de valores este ano, superando assim as suas metas e dando continuidade aos aumentos do ano passado através de um importante intervalo de crescimento que começou no início do ano, e que a levou a estabelecer um máximo de 91,78$ por ação, em Agosto.

Se observarmos o seu gráfico diário, podemos constatar que desde o final de Julho, o preço parece ter entrado num momento de consolidação lateral, entre as faixas verde e vermelha que atuam como os seus níveis de resistência e suporte, respectivamente. Neste momento, a cotação luta para manter a sua média móvel a 18 sessões(a branco) e o importante nível de retração de Fibonacci de 23,6% que constitui o seu primeiro nível de suporte. Porém, após os resultados de ontem, é possível que a cotação perca este patamar durante a sessão de hoje, pelo fato de, na pré-abertura, estar a negocianda a valores negativos, por vezes ultrapassando 1%.

A perda deste primeiro nível de suporte abre a possibilidade de o preço realizar uma movimentação descendente até junto do seu principal nível de suporte - que é representado pelo círculo vermelho na área da faixa vermelha, a porção inferior do canal de máximos e os 38,2% do nível de retração de Fibonacci. A perda deste importante nível de suporte abriria a porta a uma nova correção de preço, colocando em risco a atual tendência de crescimento.

Este nível de suporte é muito importante e o preço poderá dar início a uma nova movimentação ascendente neste ponto, embora, enquanto não se mostrar capaz de superar o seu presente nível de resistência, não poderemos esperar uma movimentação ascendente de significado.

Fonte: Plataforma MetaTrader 5 da Admirals. Gráfico diário Oracle. Intervalo de dados: 28 de Julho de 2020 a 14 de Setembro de 2021. Gráfico elaborado a 14 de Setembro de 2021. O desempenho anterior não é um indicador confiável de resultados futuros.

Evolução do preço ao longo dos últimos 5 anos:

  • 2020: 22.10% 
  • 2019: 17.34% 
  • 2018: -4.51% 
  • 2017: 22.96%
  • 2016: 5.26% 

Sobre a Admiral Markets

Este material não contém e não deverá ser interpretado como aconselhamento financeiro, recomendação, oferta ou solicitação para quaisquer transações de instrumentos financeiros. Por favor, note que esta análise de negociações não é um indicador confiável de desempenho presente ou futuro, uma vez que as circunstâncias podem mudar ao longo do tempo. Antes de tomar decisões de investimentos, deverá procurar aconselhamento através de consultores financeiros independentes para garantir que compreende os riscos.

Roberto Rojas
Roberto Rojas Analista Financeiro, Admirals Espanha

Roberto é Analista Financeiro com certificado de European Financial Advisor. Em 2013 graduou-se como Expert Manager em Ações com Derivativos nas Bolsas de Valores e Mercados Espanhóis. Trabalha na Admirals desde 2013.